domingo, 4 de março de 2012

Caxias, políticamente correta ou compulsiva em agradar?

Resultado do teste vc tem mania de agradar, no site: delas.ig.com.br 
Eu sempre fui assim.... e sempre soube que eu era assim, mas não sei muito bem o porquê....
Sempre tive uma ótima auto estima, Nunca me achei feia ou coisa do tipo, acho que eu me cobro muito mais na área comportamental, sinto uma necessidade em ser perfeita, principalmente em relação ao comportamento.... nunca fui do meio termo, na minha cabeça eu penso assim "se o certo é desse jeito, então é assim que vai ser" tanto que meu marido me chama o tempo todo de caxias, me pareço um pouco com o Lineu da grande família, politicamente correta...extremamente exigente quanto as minhas obrigações! Sigo tudo á risca.... gosto de ser impecável, sou meio cri-cri.
Já tentei descobrir a razão disso.... e ainda não descobri...eu fico pensando se era porque eu via minha irmã dando trabalho pra ir pra escola e começou dessa forma, querendo compensar meus pais pelo comportamento dela, ou não, porque desde criança eu não conseguia brigar com minhas primas e sempre fazíamos o que elas queriam e não o que eu queria.... eu não tenho dificuldade em brigar com gente muita íntima como meu marido, meus irmãos, mas com as outras pessoas, como sogra, tia, vó, amiga eu sempre faço tudo pra evitar os conflitos e não entendo, porque ao mesmo tempo que sou assim, tenho personalidade forte.... não sou uma "banana" - pra defender as pessoas eu viro uma fera, mas não consigo fazer o mesmo por mim.....é como se agradando os outros eu agradasse ao meu próprio conceito de que eu devo me cobrar em ser impecável em tudo..... se deixar eu me enfio em cada uma, só pra sentir que estou dando o meu máximo para o mundo... ao mesmo tempo que isso me realiza, na mesma proporção me cansa. Acho que eu levo essa história de dar o outro lado da face muito ao pé da letra... acho que eu levo os meus próprios ideais ao pé da letra.... tem hora que me cansa, que eu me sinto uma idiota, que eu tenho vontade de soltar os cachorros e que eu tenho vontade de simplesmente falar NÃO VOU, NÃO QUERO, NÃO FAÇO! 
Na verdade, eu não tenho medo de ser rejeitada pelas pessoas, mas sim por mim mesma, meu padrão  é alto demais e tenho medo de olhar pra mim mesma e me reprovar porque eu poderia ter feito mais... tenho medo de olhar pra mim mesma e me julgar egoísta, porque eu sei que farei isso....de verdade. Se alguém diz pra mim "Isabella, você poderia me ajudar..." pronto, as palavras mágicas foram ditas e eu morrerei tentando te ajudar; Eu não tenho medo do que as pessoas pensam de mim, porque ainda que vc seja perfeita, as pessoas vão fazer questão de te odiar, e justamente por isso, por ser certinha demais. A verdade é que eu sou uma extrema megera comigo mesma e a mais compreensível com os outros...... minha vó é igualzinha.... não sabe falar não, não sabe falar "não gostei, faça de novo" eu aceito dentro de mim o conceito de ter pena, paciência, compreensao e compaixão pelo próximo, mas rejeito totalmente me permitir ter esses sentimentos por mim mesma, pois isso seria sentir e admitir que sou fraca, ou que deixei algo externo atingir quem de fato eu sou..... ESSA SOU EU! Ao mesmo tempo que penso em mudar, penso que essa é minha essência pessoal, e que talvez nasci pra ser assim, e que me sinto em paz em ser assim..... e sei que esse pensamento já é uma negação.....kkkkk vamos ver se um dia eu crio coragem de me enfrentar

Sou assim em qualquer lugar e situação e cada vez mais percebo quanto eu sou....
não consigo dizer não, pelo simples fato de que eu posso dizer sim..... entendem

Mais alguém é o tipo caxias? Não me deixem sozinha nessa!

2 comentários:

Dama de Cinzas disse...

Acho que peco pelo oposto, vou até fazer esse teste para confirmar.Mas me preocupo pouco em agradar o os outros e às vezes sinto até um prazer mórbido em desagradar, em chocar as pessoas. Algo que tenho que tá sempre controlando.

Beijocas

Isabella oliveira madeira disse...

pois é.... acho que nós duas temos pecado pelo excesso então.... e eu sei que mesmo sendo opostamente, nós duas atraímos coisas ruins para nós... eu, me privando de fazer alguma vontade minha e me sobrecarregando e ocupando em agradar os outros... e vc talvez, por fazer isso, acabar se privando de receber algo como um olhar de gratidão do próximo (se é que isso ainda existe no mundo....)
Vamos tentando melhorara, né? pelo menos nós já estamos na fase em que descobrimos e admitimos nossos problemas!!! bjos Dama das Cinzas

Comente pelo face